September 28, 2017

September 19, 2017

Please reload

Posts Recentes

Alimentação para ciclistas

January 16, 2018

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Você não precisa de uma bicicleta cara

September 8, 2017

 

Se você tem uma bicicleta cara, então alguém, em algum lugar - possivelmente o dono de uma bicicleta mais velha e mais barata - explicou porque você não precisa gastar isso tudo. Essas pessoas têm todos os tipos de discursos ‘passivos-agressivos’ sobre moda, marketing e ter "todo o equipamento e nenhuma idéia" com o qual constroem seu ponto de visto. Tendo testado todos os tipos de novas bicicletas, em muitos lugares, e eu escutei o que eles têm pra falar.

Mas eu só tive uma excelente experiência em uma bicicleta nova que era melhor do que poderia ter sido em qualquer bicicleta velha com uma pedivela tripla e bar end- ou melhor, o tipo de bicicleta que eu sou constantemente informado que  é "tudo que eu preciso”.

As trilhas mergulhando e curvando eram fantásticas dessa maneira especial que e te deixam com passagens instantâneas e seis segundos com a imagem repetitiva das árvores; Sensações que repetem em você em tempos curtos como quando você come os melhores sanduíches de bacon. Apesar da fonte de diversão que eram estas trilhas com sua topografia - você pode fazer isso teoricamente em qualquer bicicleta - o percurso não teria sido o mesmo em uma bicicleta mais velha e mais barata. Este passeio foi um triunfo da natureza e do consumismo.

Por quê? Para começar, um canote para selim que custou mais que R$200,00, me ajudou a andar melhor. Às vezes, a pior coisa que você pode fazer é parar no topo de um percurso complicado, pensar sobre o obstáculo e ter que ajustar o selim para terminar o percurso. Olhe fixamente para o abismo, com suas rochas e pedras, e o abismo olha de volta. Com um canote fica mais fácil apenas começar e andar, o que é algo que os opositores parecem obcecados e de alguma forma usam como um argumento para não ter coisas ‘boas’.

 

A suspensão tem seu mérito. Qualidade de amortecimento traz equilíbrio, controle e facilita a vida dos pneus, o que significa mais aderência e menos acidentes. E eu gosto destas duas coisas. Sim, você poderia percorrer aquelas trilhas selvagens com a suspensão menos sofisticada, ou mesmo sem nenhuma, mas eu apreciaria os mesmos momentos de alegria fluindo se eu estivesse lutando contra bicicleta ou indo mais lento? Não. Eu não estou dizendo que não poderia ainda ser divertido, mas seria mais uma luta do que uma dança. 

Talvez o mais importante de tudo é que meu quadro atual encaixa bem no conjunto. Considere isto: em 2004, eu comprei uma Enduro Especializaded, foi o começo de muita diversão, de saltos sobre as barras e estranhos me falando que meu quadro de 132mm - com seu ângulo da cabeça de 69,5 ° (na configuração padrão, com folga !), 17 milímetros jantes, 90 milímetros haste e 640 milímetros barras - era uma bicicleta e tanto.

 

O tubo superior do Enduro era 584mm. Minha bicicleta atual (um Bird Aeris) é 640mm, apesar tubo do selim que é de seis graus mais vertical, e sua distância entre eixos é mais  11 centímetros. Isso se encaixa perfeitamente. Para obter o mesmo quadro com mesmo tamanho em 2004 eu teria que comprar um modelo extra pequeno ... embora um XS Aeris ainda seria 5,5 centímetros mais longo. 

Então, enquanto eu ainda poderia estar pedalando nessa Enduro (ou, digamos, um Trance gigante quase idêntico a partir de 2013), em vez de gastar dinheiro com modelos melhoradas de hoje, eu não estaria recebendo nenhum dos benefícios de uma bicicleta que: a) se encaixa em relação ao meu corpo) está feliz por ser ‘“lançada para baixo numa trilha íngreme” ao invés de me atirar no chão. 

Isso não quer dizer que todo mundo tem que deixar cair mais de oito mil na última maravilha de carbono de Santa Cruz ou Ibis. Poucas pessoas podem pagar, de fato.

 

Claro, se você que não pode dar ao luxo de fazer isso você pode preferir argumentar que as vantagens são falsas. Por exemplo, eu gostaria de dizer para os donos de um Porsche 911 GT3 RS que o meu um carro é, de fato, o carro que eles precisam. Eles vão a olhar entediados e acelerar. É quase como se eles achassem que meu orçamento pessoal não tem efeito sobre os carros que eles escolhem para dirigir. 

Então, de novo, no nosso mundo pós-verdade, quem se importa com os fatos? Então vamos terminar abraçando uma verdade mais popular: você realmente não precisa de uma bicicleta extremamente cara. Você de fato não precisa de uma mountain bike cara para tudo. Você precisa do mínimo para realizar o que quer.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags